Corpo de adolescente de 15 anos é encontrado durante operação realizada em Itabaiana

A Polícia acredita que o corpo seja de Manoel Júnior da Silva, de 15 anos, conhecido como “Latinha”, que estava desaparecido desde o dia 30 de junho.



O corpo de um adolescente foi encontrado na manhã deste domingo (19), em operação conjunta das forças policiais em Itabaiana. A Polícia acredita que o corpo seja de Manoel Júnior da Silva, de 15 anos, conhecido como “Latinha”, que estava desaparecido desde o dia 30 de junho. 
A equipe de policiais civis, militares e bombeiros utilizou cães farejadores do Corpo de Bombeiros Militares do Estado da Paraíba após coletar informações de que o corpo estaria na Mata do Brejinho, enterrado, em Itabaiana.
Um homem foi preso e um adolescente foi levado à Delegacia para ser ouvido na presença do Conselho Tutelar pela suspeita de terem participado do crime de homicídio. Com o homem foi apreendida uma arma, drogas e dinheiro trocado que seria utilizado na comercialização da droga.  “Essa arma, inclusive, pode ser a mesma que o suspeito utilizou para a prática de outro homicídio, mas isso ainda vamos confirmar com a realização da perícia”, disse o delegado Aneilton Castro, Delegado Seccional da 9ª DSPC de Itabaiana.
A ação conjunta foi realizada pelas forças de segurança da 9ª AISP (Área Integrada de Segurança Pública), em Itabaiana, que envolve policiais da Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar. A Operação contou com a participação de 90 policiais e bombeiros militarees e recebeu o nome de Pântano, em referência às características do local onde os alvos se encontravam.
A Operação foi um sucesso que resultou em prisão em flagrante e encontro de um cadáver pois foi realizada “com o objetivo de coletar dados, provas, indícios de ilícitos, que instrumentem ações das forças de segurança para desarticular rede criminosa de tráfico de entorpecentes e homicídios na localidade, que ensaiava formação de poder paralelo na Região do Vale do Paraíba”, disse o Major QOCPM Wagner Fernandes, Comandante do 8º BPM.
“Nas buscas do cadáver foram utilizados três cães do Departamento de Operações Com Cães do CBMPB, sendo dois cães de João Pessoa e uma cadela do 2º CRBM, que conseguiu efetuar com êxito a localização do cadáver”, finalizou o Capitão QOBM Lacerda, Comandante da 6ª CIBM. 

Nenhum comentário

Faça seu comentário

Tecnologia do Blogger.