Governo libera auxilio para mães adolescentes e veta benefícios para homens solteiros chefes de família e motoristas de aplicativo.

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou com veto o projeto aprovado pelo Congresso Nacional que amplia os beneficiários do auxilio emergencial de RS 600.



Com a sanção, o auxilio emergencial poderá ser pago a menores de 18 anos que forem mães . O presidente vetou a ampliação do beneficio para profissionais informais que não estão inscritos no cadastro único como motorista de aplicativo,vendedores porta a porta ambulante de praia. O governo também vetou a possibilidade de homens solteiros chefes de família de receberem em dobro o beneficio, pelas regras vigentes, apenas mães chefe de família tem a prerrogativa para os RS 1.200 do auxilio emergencial.

Nenhum comentário

Faça seu comentário

Tecnologia do Blogger.